A Pernod Ricard Portugal apresentou ontem, no Red Frog, a nova edição do Monkey 47 Distillers Cut.

Como já vem sendo habitual a Monkey 47 todos os anos lança uma edição limitada do seu Gin, adicionando um novo ingrediente à receita que conta com 47 botânicos.

Na edição limitada agora lançada juntou-se à receita original do Monkey 47 o mel de abeto produzido na Black Florest, em Schaberhof, uma antiga fazenda construída em 1840, actualmente House of Monkey 47, que se encontra, junto à destilaria Zum Wilden Affen, uma autêntica instituição detentora do seu próprio apiário.

Ao procedimento tradicional juntou-se uma nova destilação originando um processo de extração com uma maturação de três meses, em recipientes de barro e, finalmente, juntou-se a água proveniente diretamente da nascente. A combinação de mel e álcool tem uma história longa e muito antiga, a transformação da água melada numa saborosa bebida, com o efeito inebriante do álcool fez, por exemplo, do hidromel (ou “vinho de mel”) a libação dos deuses na mitologia germânica. Uma união harmoniosa que desperta os sentidos nesta edição única onde a Black Forest Distillers escolheu um mel especial – o próprio Abietes Melle de Schaberhof.

A sessão orientada por Pedro Segurado, Embaixador da Marca em Portugal, foi dirigida aos profissionais da Indústria de Bebidas e teve como objetivo dar a provar a nova edição, do qual só se produziram 4000 garrafas a distribuir em todo o mundo, sendo que a Portugal chegarão cerca de 200 garrafas. Uma edição especial para colecionadores e verdadeiros apreciadores de Gin.

PARTILHARShare on FacebookTweet about this on Twitter