A Quinta de la Rosa, conhecida casa de vinhos do Douro, lançou no mercado a sua primeira cerveja artesanal, a La Rosa IPA.

A primeira cerveja artesanal da Quinta de la Rosa é uma Indian Pale Ale produzida com cevada Maris Otter com uma variedade de lúpulos – alguns foram adicionados nas várias fases de fabrico – e fermentos, nomeadamente, Nottingham Ale. Seguiu-se a fermentação em cubas de inox a uma temperatura de 10.°C durante cerca de 10 dias e, posteriormente, a sua estabilização. Cerca de metade do lote foi guardado numa velha pipa de vinho branco, ficando a restante parte fechada na cuba de inox. Mais tarde, ambas as partes foram misturadas e introduzidos fermentos secos para acentuar o aroma. Por fim, e antes de ser engarrafada, a cerveja artesanal ‘La Rosa IPA’ foi filtrada.

De cor dourada, a ‘La Rosa IPA’ é bastante aromática, realçando-se as notas frutadas, a lembrar a laranja e o maracujá, e florais – aromas dados pelos lúpulos utilizados e pelas barricas, de vinho branco da Quinta de la Rosa, onde fermentou e estagiou. É muito encorpada e plena de sabores, em que o seu pronunciado amargor equilibra o corpo e a torna deliciosa e fácil de beber.

Com 7% de álcool, a ‘La Rosa IPA’ está disponível em barril e em garrafas de 50 cl. Para além da Quinta de la Rosa – na loja (€5,50) e no restaurante Cozinha da Clara – está atualmente à venda no Six Senses Hotel.

Esta é a primeira incursão no mundo da cerveja artesanal, mas está já programado o lançamento da La Rosa Lager.

 

 

 

 

 

PARTILHARShare on FacebookTweet about this on Twitter